Cientistas identificam possibilidade de haver planeta semelhante à Terra

08/02/2013 18:44

Brasília – A astrônoma Courtney Dressing, da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, disse que há um planeta com condições semelhantes às da Terra a distância de 13 anos-luz.  A conclusão faz parte de um estudo divulgado hoje (7) e mostra que há possibilidade de haver  “outra Terra” no universo. Até então, os cientistas acreditavam que os planetas potencialmente habitáveis poderiam estar à distância entre 300 e 600 anos-luz.

“Pensávamos que teríamos de procurar distâncias vastas para encontrar um planeta como a Terra. Agora percebemos que outra Terra está provavelmente no nosso próprio quintal”, disse a pesquisadora.

Saiba como a Astronomia pode ser útil para a sociedade

Os cálculos foram feitos utilizando o telescópio norte-americano Kepler, partindo da premissa de que as estrelas denominadas gigantes vermelhas (red dwarves, em inglês) podem ter planetas habitáveis em suas órbitas, uma vez que são estrelas comuns, menores e menos quentes do que o Sol.

A partir da análise de 75 bilhões de gigantes vermelhas existentes na galáxia, os autores do estudo chegaram à estimativa de que cerca de 6% dessas estrelas devem ter um planeta semelhante à Terra e que o mais próximo pode estar a apenas 13 anos-luz de distância.

*Com informações da agência pública de notícias de Portugal, Lusa.

Edição: Graça Adjuto

OBS: Esta matéria foi alterada às 14:47h para correção de informações. Existe a possibilidade de um planeta semelhante à Terra no universo, não no sistema solar, conforme foi afirmado.

  • Direitos autorais: Creative Commons - CC BY 3.0
  • Renata Giraldi* - Agência Brasil